segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Devocional - 23 de agosto

A santificação não começa com regras, mas quando se abre mão do orgulho. A purificação começa quando decididamente nos recusamos a encobrir a condição de nossos corações. Em alguma fase de nossa vida, seremos confrontados com as impurezas de nosso coração. O Espírito Santo revela a nossa corrupção, não para condenar-nos, mas para que haja humildade e o reconhecimento mais profundo da necessidade que temos da graça de Deus. É nesta encruzilhada que surgem tanto os homens santos como os hipócritas. Os que se tornam santos enxergam a sua necessidade e se prostram diante de Deus para a salvação. Os que se tornam hipócritas são aqueles que, ao verem seu pecado, o perdoam e não se modificam. Se não nos conscientizarmos da depravação de nossa velha natureza, nos tornamos fariseus cristãos, hipócritas, cheios de desprezo e auto-estima. Francis Frangipane.

Nenhum comentário:

Postar um comentário