quarta-feira, 18 de junho de 2014

Devocional - 18 de junho

Paulo alertou aos coríntios que Satanás, o pai de todas as mentiras (Jo 8:44), procuraria distraí-los da simplicidade do evangelho, tentando enganá-los com argumentos complicados e convincentes. Os ensinamentos dos falsos apóstolos soavam bem, mas promoviam um espírito de sabedoria humana , de apego, de exigências legalistas e de concessões. Esse espírito era diferente do espírito de liberdade, de amor, de alegria, de paz e de poder que ele pregava. Na carta aos Gálatas ele, também condenou esse falso evangelho que estava sendo pregado. Um evangelho que destaca a obra do homem e não o sacrifício cabal de Cristo. Um evangelho que requer a cooperação do homem na salvação e nega a suficiência da graça de Deus. Um evangelho que aparenta piedade, mas é desprovido de poder. Um evangelho que faz bem ao orgulho humano, mas não transforma o pecador. Um outro evangelho e não o evangelho puro. Um falso evangelho e não o verdadeiro e único evangelho de Cristo. Muitos em nossos dias estão ainda pregando esse falso evangelho. Aquele que tem o Espírito e é conhecedor da Palavra , sabe. Precisamos voltar ao antigo evangelho, ao único evangelho, o evangelho da cruz, que anuncia Cristo, e este crucificado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário