quinta-feira, 12 de junho de 2014

Devocional - 12 de junho

Certa vez presenciei uma tempestade no fim da primavera. Estava tudo escuro, exceto onde o relâmpago cortava o céu. O vento sibilava e as águas caíam torrenciais. Que devastação! Mas não demorou muito, os relâmpagos cessaram, os raios silenciaram, a chuva parou, as nuvens se foram com o vento manso e apareceu o arco-iris. Então durante várias semanas os campos ficaram cobertos de flores, e por todo o verão a grama esteve mais verde, os ribeiros mais cheios e as árvores mais frondosas (tudo porque a tempestade havia passado por ali), muito embora o resto da terra já houvesse esquecido o temporal, suas águas e seu arco-iris. Theodore Parker.
Foi uma tempestade que ocasionou a descoberta das minas de ouro na Índia. E a tempestade têm levado alguns à descoberta das mais ricas minas do amor de Deus em Cristo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário